O domínio das áreas do conhecimento no Ensino Fundamental II

Alunos no Ensino Fundamental II da ECSA

As áreas do conhecimento no Ensino Fundamental II são definidas de acordo com o que estabelece a Base Nacional Comum Curricular.

Para essa fase da Educação Básica, a proposta pedagógica deve englobar disciplinas e conteúdos que forneçam ao aluno a possibilidade de um aprendizado completo.

Nesse período, que compreende do 6º ao 9º ano, há um maior foco no aprofundamento do conhecimento que a criança construiu ao longo das etapas anteriores.

Essa nova fase busca ainda preparar o estudante para as próximas etapas do aprendizado. Nesse sentido, há também um objetivo de inserção do estudante em novos contextos sociais. 

O Ensino fundamental II

O Ensino Fundamental II representa uma etapa de aprofundamento das áreas do conhecimento. Para isso, o estudante tem um contato maior com disciplinas e conteúdos complexos, com educadores especializados.

O direcionamento dessa fase busca fazer com que haja um desenvolvimento completo de diversas habilidades e capacidades. Para tanto, isso exige toda uma estrutura de apoio para que haja uma continuidade no processo de aprendizado.

A escola, em um trabalho conjunto ao do professor, deve garantir um suporte maior na construção de competências, como a autonomia e independência.

A Base Nacional Comum Curricular do Ensino Fundamental anos finais

Para promover o desenvolvimento do aluno durante o Ensino Fundamental II, a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) traz alguns direcionamentos.

A BNCC Ensino Fundamental Anos Finais estabelece a aplicação de algumas diretrizes para essa fase da Educação Básica. Aqui, há um maior destaque aos processos de aprendizagem considerados essenciais ao desenvolvimento e construção do conhecimento do estudante.

O documento define que o aluno precisa lidar com diferentes lógicas de organização, especialmente em relação aos conhecimentos de determinadas áreas.

Em comparação com outras fases do ensino, uma das principais mudanças no Ensino Fundamental II está na definição de um conjunto de 10 competências gerais.

De acordo com a BNCC, essas competências nada mais são do que a “mobilização de conhecimentos (conceitos e procedimentos), habilidades (práticas, cognitivas e socioemocionais), atitudes e valores para resolver demandas complexas da vida cotidiana, do pleno exercício da cidadania e do mundo do trabalho.” (BNCC).

Ainda se destaca o fortalecimento da autonomia do aluno. Isso é feito para garantir condições e ferramentas para que ele possa acessar e interagir criticamente com diferentes conhecimentos e fontes de informação. 

O Ensino Fundamental 2 – do 6º ao 9º ano

Todo esse processo é realizado no período que compreende do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental. Aqui, tanto o aluno quanto o educador precisam lidar com diferentes desafios e obstáculos.

Existe uma mudança nas competências e habilidades a serem desenvolvidas em comparação com o período anterior, uma vez que as atividades e disciplinas empregadas também passam por mudanças no decorrer de cada série. 

6º ano do Fundamental 2

No 6º ano do Ensino Fundamental II, o aluno tem um impacto maior, pois há uma mudança em relação às disciplinas e áreas do conhecimento abordadas em sala de aula.

A matéria aprendida ganha uma complexidade maior, exigindo do aluno uma adaptação, que acontece com auxílio do educador.

As mudanças na rotina de aprendizagem fazem com que o aluno demonstre uma maior capacidade de autonomia, o que ainda serve para destacar seu protagonismo no processo de aprendizagem.

7º ano do Fundamental 2

No ano seguinte, ainda existe uma necessidade de acompanhamento dos estudantes devido às mudanças que ocorrem nessa fase.

A escola adota em sua proposta pedagógica um trabalho com temas transversais, de modo mais claro, estimulando a capacidade de análise e desenvolvimento do aluno.

8º ano do Fundamental 2

No 8º ano do Ensino Fundamental II, as disciplinas propõem um maior desafio. Há um foco ainda maior no desenvolvimento da autonomia do aluno.

Nesse período, existe também um estímulo para uma maior produtividade em comparação aos anos iniciais do Ensino Fundamental.

O objetivo é fazer com que o estudante possa se preparar para o seu ingresso em um novo ambiente de aprendizado.

9º ano do Fundamental 2

No último ano do Ensino Fundamental II, o aluno passa pelos desafios de maior complexidade desta fase da Educação Básica. Isso porque é aqui onde se dá início a transição para o Ensino Médio.

Nesse sentido, se exige do aluno um aprendizado com maior adaptação às novas realidades, especialmente em sua forma de se relacionar com novos conhecimentos e ambientes. 

Ensino Fundamental II e as áreas do conhecimento

Com a homologação da Base Nacional Comum Curricular em 2018, a estrutura do Ensino Fundamental II passou a ser organizada de acordo com as áreas do conhecimento e seus componentes curriculares.

As áreas do conhecimento são divididas na grade curricular do Ensino Fundamental II em Linguagens, Matemática, Ciências da Natureza e Ciências Humanas. 

Dentro de cada uma delas, estão separados ainda os componentes curriculares:

– Linguagens – Língua Portuguesa, Arte, Educação Física e Língua Inglesa;

– Matemática – Matemática;

– Ciências da Natureza – Ciências;

– Ciências Humanas – Geografia e História. 

O domínio das áreas do conhecimento e o protagonismo juvenil

Mas como o domínio das áreas do conhecimento acontece na fase do Ensino Fundamental II? Na ECSA, esse domínio é estimulado por meio do protagonismo juvenil.

Especialmente com a aplicação da Escola Integral, o aluno da ECSA tem a oportunidade de vivenciar o conhecimento através da experimentação com ambiente, projetos e práticas pedagógicas, que favorecem o desenvolvimento cada vez mais de sua autonomia.

Adotamos como pilar o cuidado em dar o mesmo tratamento e respeito a todos os nossos alunos, sem esquecer que cada um é único e com suas próprias particularidades.

Conceituada escola em Cuiabá, a ECSA tem como principal objetivo incentivar seus alunos  a ampliar as possibilidades e colocar as ideias em prática em um exercício constante de autonomia e autoconfiança.

Nosso processo de aprendizagem prioriza o ensino com excelência, a inserção de novos conhecimentos e a preparação integral da criança e do jovem, visando futuros desafios.

Quer saber mais sobre como o domínio das áreas do conhecimento acontece na ECSA? Então agende uma visita e veja como aqui o protagonismo do aluno é o que constrói o seu aprendizado!

Quero agendar uma visita!

Escrito por:
ECSA Escola Chave do Saber


Posts relacionadoos: